julho 17, 2006

De volta.

Ora pois muito bem. O Glorioso está de volta ao seu território, ou seja, a Portugal, após prolongado estágio por terras helvéticas. Estágio esse onde realizou 3 jogos que acabaram com 2 vitórias, uma derrota, 7 golos marcados e 3 sofridos.
Foi notório que o nosso Benfica está ainda perro de movimentos. Mais notório ainda que há jogadores que, apesar de esforçados, não evidenciam as qualidades e requisitos mínimos para representar esta Grande Instituição. Não vou aqui dizer nomes porque julgo não ser necessário. É por demais evidente.
Entretanto continuamos a aguardar com relativa ansiedade e interesse pela chegada do tão prometido ponta de lança, goleador nato, de créditos firmados e renome internacional que, diga-se em abono da verdade, muita falta nos está a fazer.
Da mesma forma esperamos saber com a maior celeridade se o Grande Simão e o Manuel Fernandes ficam ou não. Pessoalmente gostaria de os ver de águia ao peito para a próxima época mas a verdade é que o dinheirinho é preciso em todo o lado.
Até lá deixo-vos SAUDAÇÕES BENFIQUISTAS e... já agora, a quem de competência, ponham os vossos olhos semi encobertos por um valente par de saliências marfinosas, certamente merecidas e justificadas, na justiça Italiana no caso Calciocaos! É caso para dizer que por cá faltam daqueles vegetais avermelhados e arredondados, que se produzem muito na região ribatejana e que por também se vendem em polpa, a muita gente...
LFP

2 comentários:

lagartomortodefome disse...

Prontos para tudo.
Contra os cabrões, marchar, marchaaarrrrr...

antitripa disse...

Sem dúvida é hora de mudar a conotação do termo "ITALIA". Deixar de dizer que é o ´"País da Máfia" para acentuar que é o "País onde a máfia lerpa como os outros contribuintes"! Se cá fosse assim....largos dias teriam 100 celas......

Quanto ao nosso Glorioso, só posso dizer que está no piso 0. Começar de novo, com casa nova, prodigiosa em condições de trabalho só pode dar um resultado: O Sucesso!