agosto 13, 2005

Um titulo entre muitos, o primeiro de Koeman no Benfica...


E foi. Com determinação e empenho vimos o glorioso a controlar todo o jogo com uma imagem de ataque e rigor. Por mais difícil que fosse admitir aos comentadores da transmição televisiva (que grandes sacanas esses bastardos com o dom da palavra traiçoeira e tendenciosa), a nossa equipa mostrou que com a prata da casa temos argumentos para desflorar qualquer formação do campeonato nacional. Nuno Gomes esqueceu a inércia que muitas vezes o deixa paralizado e deu para entender que quem sabe não esquece, marcando o único golo da partida num movimento técnicamente irrepreensível. Beto reforçou a boa imagem que tem vindo a mostrar e Petit foi incansável. É também de referir que o Ricardo Rocha mostrou o porquê da escolha do seu nome e foi o maior de uma defesa fantástica.
Será lógico dizer que se realmente os reforços prometidos (e que dor faz pensar nessas promessas gloriosas de jogadores geniais, mas que nunca chegam a vestir a mais bela das camisolas) chegassem, tinhamos equipa para chegar à Champions e podermos sentir o cheiro da glória europeia...
Fica assim mais um troféu para adicionar à colecção da Luz, com sabor de dever cumprido e de sentido motivador para o início da Super Liga que é já para a semana. Aspiramos a muito e foi bonito ver o Estádio do Algarve vermelhinho como o sangue que nos corre nas veias.
À grande Benfica que tantos alegras e a tantos dás glórias.
Hop...

3 comentários:

zumbido@oninet.pt disse...

Parabéns ao benfica pelo título conquistado, mais um para reforçar, porque em 27 edições o glorioso apenas arrecadou 4, mas acima de tudo é bom que não nos deixemos cair na vaidade da glória, tapar-mos os olhos a uma exibição fraca, porque por amor ao glorioso, o simão não está a jogar nada, geovanni muito fraco, joão pereira é só mania, caraças para o puto, não é sendo rufia que se impõe, não fosse a parede no meio campo (Petit,Beto e M. Fernandes), que tinhamos um benfica abaixo do mau.
Aqui fica claro que não sou adepto deste estilo de jogo, porque se Koeman queria um benfica de ataque, não é com 3 trincos que lá vai, desde o Tiago que o benfica não tem um trinco atacante, e para jogar com o setúbal , não se pode entrar a defender como contra a juventus.
Atenção que o campeonato está a chegar, e o benfica tem que encostar as equipas á parede como fazia camacho!!Somos os campeões , temos que entrar a matar, com qualquer equipa da superliga, quanto a champions aí podemos ser mais comedidos e tentar fazer resultados engraçados, porque ainda falta muito para termos o benfica europeu de outros tempos.
Uma última nota, Parabéns ao Nuno, muitas vezes imcompreedido, e também com algum azar, e digam-me uma coisa , cada vez que o Gomes remata de fora da área , é sempre perigoso, como ontem, ponham-no a jogar atrás do ponta de lança, se calhar é o melhor número 10 que lá temos, e ninguém consegue ver, por incrivel que pareça é o melhor distribuidor de jogo da nossa equipa, apesar de não marcar muitos golos.
Um grande abraço que já me dôem as pontas dos dedos e já sabem como é .........Ninguém pára o benfica alé oooooooooohhhhhhh.

Anónimo disse...

sim

pedro disse...

zumbido, boa anàlise. nao tou de acordo com o rr na esquerda. ele tem q ser central e o patrao da defesa.
bom blog, continua