outubro 16, 2005

Águia aterradora arrasa Dragão débil, fraquinho e inseguro...


Genial.
Fantástico..
Arrasador...


Foi um Benfica campeão que ontem passeou classe e qualidade num relvado de raiva que se tornou desilusão. O Porto deixou-se cair nas armadilhas desengonçadas do seu treinador, que depois de os pedir, ontem não teve coragem de os ver, o Dragão abanou-se branco só para ele.

Mas o mérito total está na forma personalisada e eficaz que o Benfica apresentou no dragão.
Nuno Gomes volta a ser gigante e aproveita para calar aquela massa viscosa de povo desonesto e imoral, apontando para as quinas do braço esquerdo recordando ao Pinto da Bosta quem é o Campeão, depois de marcar um golo genial de cabeça que deixa Baía a pedir esmola à porta do metro. A defesa rubra mostrou ser implacável e inultrapassável. Luisão é gigante não só em tamanho como também em qualidade, Nelson está a muitos anos luz de Miguel e Léo foi expulso injustamente. O meio campo perfeito com Petit e Manô e, mesmo depois da infeliz lesão de Fabrizio, um ataque pautado pela qualidade no gesto técnico e rigor táctico. Simão partiu em dois aquele defesa com nome estranho e qualidades dúbias e Geovanni entrou senhor em jogo a provar que foi talhado para partidas desta dimensão. A grande revelação foi Karyaka que substituiu o desgastado Karagounis e mostrou a arte de jogar a bola.
Para esquecer fica a forma deliberada e nojenta que o árbitro usou para prejudicar a nossa equipa mostrando cartões à toa mas, mesmo assim, sem conseguir os seus intuitos que seria dormir acompanhado num hotel qualquer por duas empregadas do já famoso bar de alterne portista.
Estamos assim de parabéns, a nossa equipa melhora de jogo para jogo e se tudo correr normalmente na terça temos paelha para o jantar, uma vez que as tripas já cá cantam...

Força Benfica.

Hop...

2 comentários:

Anónimo disse...

Não tenho muito a adiantar ao que o caro colega escreveu. Talvez apenas relembrar a alguns visitantes, adeptos de outros clubes, que visitam este Blog, que os Campeões somos nós. Aliás, o Nuno Gomes fez bem questão de frizar isso ontem aquando dos seus golos.

el p

A_Gloriosa disse...

Efectivamente o campeão nacional provou que merece as quinas que apresenta no seu braço esquerdo.
Quanto aos restantes clubes, reduzam-se à vossa insignificância.
O Benfica é e será sempre O GLORIOSO.