junho 24, 2008

Contratempos


Todos sabemos que esta história de contratar jogadores não é canja. Se não são os impuros a gorar as tentativas justas de contratar jogadores sem fundos escondidos e jogadas ilegais, são os próprios atletas que usam os clubes para valorizar os seus passes a fim de, depois de muito prometer, roer a corda e optarem então por um contrato mais chorudo e uma transferência mais elevada.


Este ano é Rui Costa que comanda a política de contratações do SLB. Mesmo com os jornais a especularem diáriamente 1 milhão de nomes para o nosso plantel, Rui move-se com subtileza junto dos jogadores que realmente interessam, não só no foro desportivo, mas sobretudo, se enquadram na realidade económica do Benfica.


E parece-me que é por aqui que nos devemos centrar para ter ideia do que será construir um plantel vencedor para o Benfica.


Actualmente o SLB não tem argumentos económicos, mas ainda tem menos argumentos desportivos, para cativar e pagar jogadores daqueles que admiramos mesmo não sendo atletas do Benfica.

Quando se fala em Aimar, Soldado, Balboa, Dica ou Escudero podemos correr o risco de pensar que estamos a controlar um clube tipo Atlético de Madrid ou um qualquer clube inglês ou italiano. São peças de plantel muito acima da nossa capacidade (nunca confundir com grandeza, porque nesse caso seriam esses a pagar para vir jogar no SLB), que os pasquins adiantam com a finalidade de descredibilizar quem está a tratar da nossa equipa.


A esta hora Carlos Martins, por exemplo, já devia ter assinado contrato com o Benfica. Devido ao avançado Pongolle o negócio ficou todo atravessado por causa dos valores a pagar à verdura. Rui Costa está a tratar do assunto junto ao jogador, porque este sim se enquadra nas pretenções desportivas e económicas do Benfica...


Quanto aos outros nomes, que realmente são firmados na Europa, custa-me crer que algum dia vão vestir o manto sagrado, para pena deles claro, mas se algum deles realmente chegar a assinar com o maior clube do mundo só o devemos a uma pessoa.

Rui Costa, senhor do futebol dentro e fora dos relvados, pode ser a peça fulcral no re-aparecimento do nome Benfica nos altos negócios de transferências do futebol Europeu.


Falta saber se Quique quer construir uma equipa abrilhantada por estrelas de renome ou, tal como o fez no Getafe, quer gerir um grupo de guerreiros que deixa em campo sangue e suor pela vitória...

4 comentários:

VeRMeLHoVZKy disse...

Meu caro... é isso mesmo.

A intoxicação é sempre feita com 2 objectivos:

- Descredibilizar os dirigentes (que tentam as vedetas e depois só conseguem jogadores fracos)
- Desmotivar quem vem (tratando-os como 2ndas escolhas)

Quique e Rui Costa sabem o que querem... uma equipa lutadora de jogadores consistentes e com garra. Gente com tudo a provar.

Os que já chegaram, os que sei que vão chegar e os que vão ficaram dão todas as garantias disso. Mas enquanto gajos como Jorge Sousa (o que nos prejudicou várias vezes durante o ano) forem considerados os melhores árbitros e nos apitarem 6 a 7 vezes por ano... vamos ter muitos problemas.

Abraço,

V.

Anónimo disse...

foste ao serbenfiquista dizer que havia surpresa ontem...nao vi nada, quer dizer ate vi, vi no correio da manha dizer que o aimar ja e do benfica, mas vi logo a seguir o presidente do zaragoza dizer que nao recebeu nenhuma proposta...

Anónimo disse...

Darío Cvitanich, do Banfield da Argentina. Uma mosca passou por aqui e deixou escapar essa.

Anónimo disse...

Podem avançar mais nomes, muitos mais, carradas deles, a mim só me interessa, dar o meu apoio incondicional a Rui Costa, uma pessoa ímpar no panorama desportivo nacional e internacional. Que me perdoes Eusébio, por seres a nossa estrela na arte de jogar futebol, mas o Rui nasceu no Benfica, fez o seu percurso pelo estranjeiro e voltou para dar aquilo que sempre mostrou aos benfiquistas o amor à camisola, ao SEU BENFICA.
ESTE FICARÁ NA HISTÓRIA DO FUTEBOL MUNDIAL.
Felicidades Rui,sei que até és capaz de perdoar aos que te traem.
Cada vez sinto mais orgulho em ser benfiquista.
Tenho uma tshirt, já muito velhinha que tem apenas e só no dorso:
ÉS O ÚNICO 10 - RUI COSTA